quarta-feira, 28 de julho de 2010

"Fábricas" de criação de cães




















As cadelas são isoladas e recebem apenas água e comida para permanecerem vivas e procriar. É-lhes dado pouco tratamento veterinário e nenhum exercício, estímulo ou afecto. Ficam prenhas continuamente até se esgotarem e, quando não têm mais utilidade, são mortas. O número de funcionários de tais locais também é completamente inadequado: uma campanha do grupo Puppy Love cita que, numa "fábrica" de criação, um funcionário é responsável por mais de 150 cães.

2 comentários:

  1. São as famigeradas "puppy mills" já denunciadas em programas como a Ophra e que são absolutamente revoltantes...

    ResponderEliminar